sexta-feira, 9 de junho de 2017

19 maneiras como a tireoide pode mexer com seu corpo

19 maneiras como a tireoide pode mexer com seu corpo

Uma pesquisa global da empresa alemã de ciência e tecnologia Merck, divulgada recentemente, fez um alerta importante: boa parte das pessoas e principalmente às mulheres com disfunções na tireoide não sabe que os sintomas desses problemas estão ligados à glândula. A maioria confunde esses sinais com os efeitos do stress do dia a dia.

Pensando nisso, a Merck elaborou uma cartilha com as principais alterações que o hipotireoidismo (tireoide pouco ativa) e o hipertireoidismo (muita liberação de hormônio) causam na aparência, no corpo e na disposição. Confira:

Na aparência

1. Peso
Nem sempre aqueles quilos extras que você ganhou são culpa da sua alimentação. Uma tireoide pouco ativa pode ser responsável fazer o ponteiro da balança aumentar em até 4 quilos! Por outro lado, se você está perdendo peso apesar de se alimentar bem, isso pode ser uma consequência da tireoide hiperativa (hipertireoidismo).

2. Pele
A baixa produção hormonal da tireoide pode estar por trás de uma pele seca e com rachaduras, sabia?

3. Suor 
Transpirar mais do que o normal pode ser consequência da tireoide hiperativa. Outros efeitos do hipertiroidismo são rubor e sensação de calor.

4. Cabelo
Seus fios estão mais quebradiços e secos do que de costume? Suspeite da tireoide! Tanto o hipo quanto o hipertireoidismo têm como consequência a queda de cabelo. No caso da glândula lenta, até sobrancelhas e cílios podem ser danificados.

5. Unhas
Quando produz baixa quantidade de hormônios, a tireoide faz com que as unhas fiquem frágeis e descamadas.

6. Olhos
Sabia que pessoas com distúrbios da tireoide podem sentir os olhos secos e arenosos? Pois é: nem sempre a causa são as muitas horas olhando para a tela do celular ou do computador.

Na motivação

7. Cansaço excessivo
O hipotireoidismo também provoca cansaço excessivo. Pessoas que sofrem com o problema oposto inicialmente têm muita energia, mas, com o tempo, também podem se sentir cansadas devido à hiperatividade.

8. Dificuldade para dormir
Nem sempre a insônia está associada à mudança de trabalho ou aos problemas familiares. Sim, a tireoide também é responsável por esse mal. Vale investigar.

9. Baixa concentração e problemas de memória
Essas duas situações podem ter como causa uma tireoide pouco ativa. Já pensamento acelerado e hiperatividade são sintomas de hipertireoidismo. Fique ligada!

10. Falta de motivação
Baixos níveis de hormônio tireoidiano jogam lá embaixo o pique para realizar tarefas do dia a dia e até se exercitar.

11. Sensibilidade à temperatura
Se você está sempre com frio quando os outros sentem calor, isso pode ser devido ao hipotireoidismo. A maior sensibilidade ao calor, por outro lado, é um sintoma do hipertireoidismo, que faz com que você se sinta quente e corada.

12. Desejo sexual
Uma tireoide pouco ativa pode ser a causa da diminuição da sua libido ou do seu parceiro(a). Mas, se você sentir que o apetite sexual está acima do o normal, cuidado: o hipertireoidismo pode ser o motivo.

13. Depressão e ansiedade
A depressão é consequência do hipotireoidismo, enquanto a ansiedade pode ser a culpa tanto de uma tireoide hiperativa quanto pouco ativa.

14. Irritabilidade
Você pode achar que está irritada porque está estressada, cansada ou com muito trabalho, e que isso é normal na vida cotidiana. Mas cuidado: sentir-se irritada(o) é um sintoma conhecido de hipotireoidismo e hipertireoidismo.

No organismo

15. Ouvidos
Até a audição sai perdendo quando a tireoide produz pouco hormônio. Ruídos e surdez são as principais consequências do hipotireoidismo.

16. Sistema digestivo
Problemas digestivos como constipação, síndrome do intestino irritável e gases podem ser causados por uma tireoide em modo de operação lento. Quando a glândula está muito acelerada, as idas ao banheiro ficam mais frequentes.

17. Coração
Você costuma ter palpitações? Não são só o stress, a correria ou o excesso de café que estão por trás de um coração em descompasso – o hipertiroidismo também!

18. Músculos e articulações
Dores musculares e fraqueza até são normais após atividades pesadas, mas fique atenta(o) se você começar a sentir esse incômodo em situações que isso não costumava acontecer – pode ser a tireoide trabalhando além da conta. Outras consequências são rigidez articular, cãibras musculares e fraqueza.

19. Ciclo menstrual
O hipotireoidismo tende a fazer com que seu fluxo fique muito intenso ou até interrompê-lo. Se notar alguma dessas alterações, investigue a glândula do pescoço!




Com informações da Boa Forma
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog