quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Pernas finas: motivos e possíveis soluções!

A razão pela qual você está apresentando pernas finas é óbvia se você não dedica tempo a malhação delas. Mas para aqueles que, mesmo trabalhando direitinho os exercícios para membros inferiores, ainda não veem resultados, algumas possibilidades podem ser avaliadas.

pernas finas

Alternância

pernas finas

Quanto maior o período em que se está malhando, mais deve-se alterar e alternar os exercícios. Dos tipos, ás repetições e aos pesos envolvidos, é preciso combinar de forma diferentes as variáveis para aumentar a musculatura.

Força não é tamanho

pernas finas

É comum ouvir falar que as pernas são fortes, mas não são grandes. Mas o que são pernas fortes? alguns parâmetros podem ser usados, como agachamentos com duas vezes o peso do corpo ou fazer o deadlift (também conhecido como peso morto) com duas vezes e meia o peso do corpo. Caso você já consiga levantar essa quantidade de peso e ainda assim suas pernas são finas, é possível que o fator genético esteja envolvido.

Menos é mais

pernas finas

Para fazer a musculatura das pernas crescer, estudos indicam que é melhor mais séries, mais repetições e baixo peso. Tente 10 séries de 10 repetições e então pause por uma semana. Depois adicione mais peso, com 6 a 10 repetições e então 5 séries de 3 a 5 repetições. Repita o ciclo. Cada fase deve aumentar o tamanho e a força, desafiando o corpo e o sistema nervoso.

Duas constantes

pernas finas

Apesar da necessidade de mudar o treino constantemente, duas coisas devem ser permanentes na rotina para as pernas: agachamento e deadlift (peso morto). Procure variações para esse mesmo tema, tanto de tipo, quanto de repetições e número de séries.

Menos cárdio

pernas finas 

Se seu objetivo é aumentar o tamanho das pernas, focalize treino de força e reduza o cardio. Se prolongar no cardio é quando você entra no processo catabólico e começa a perder músculo. Mesmo que esteja tentando enxugar o corpo, é preciso medir com cautela o quanto de cardio vai fazer, pois o crescimento muscular dos membros inferiores depende disso.


Fonte: Malhar Bem




 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog