terça-feira, 20 de setembro de 2016

É possível conciliar musculação com exercícios aeróbicos?

Musculação X Aeróbicos
Sim, é possível. Desde que seja feita com moderação para um não atrapalhar o outro, a combinação de treinos de força e fôlego pode trazer ótimos resultados.
Um erro comum entre os praticantes de musculação, principalmente os adeptos da hipertrofia – treino que busca aumentar a massa muscular – é pensar que atividades aeróbicas, como a corrida, prejudicam o treino de força.
Apesar de ser cientificamente comprovado que as proteínas musculares são quebradas e utilizadas para produzir energia durantes os exercícios aeróbicos, ninguém permanece constantemente quebrando e reconstruindo tecido muscular. É provável que o praticante de musculação perca um pouco de músculo ao fazer treino cardiorrespiratório em excesso, pois este exagero acelera o lado catabólico. Mas é seguro também informar que se pode realizar até 45 minutos de aeróbico, dependendo do indivíduo, sem perder nenhum percentual de massa magra, basta que seja dado o aporte nutricional adequado.
Perder músculos ou ganhar menos do que queria, normalmente pode ser sinal de erro no treinamento ou má alimentação. Os treinos aeróbicos, muitas vezes, complementam a musculação.

Benefícios dos exercícios aeróbicos

A prática de atividades aeróbicas, como corridas na esteira, atividades na bicicleta ergométrica e até mesmo no transport, trazem muitos benefícios à saúde, entre eles a queima de gordura,importante para uma boa saúde e para a construção muscular.

Aeróbicos antes ou depois da musculação?

Realizar a atividade aeróbica antes ou depois do treino de musculação vai depender do objetivo de cada individuo. Veja alguns exemplos:
Emagrecimento: quem está procurando perder peso, deve primeiro fazer o treino de musculação, pois assim, o organismo utilizará os carboidratos como principal fonte de energia, diminuindo as reservas de carboidratos. Quando iniciar a parte aeróbica, queimará gordura mais rapidamente.
Ganho de massa muscular: para quem procura aumentar a massa muscular, a indicação é realizar, três vezes por semana, em torno de 20 minutos de treino aeróbico, não excedendo 30 minutos de atividade, imediatamente após a musculação.
Pessoas com problemas cardíacas ou hipertensas: nestes casos, o ideal é fazer primeiro a atividade aeróbica, para ajustar o ritmo cardíaco e manter a pressão arterial sob controle. Como existem fatores de risco, a intensidade do exercício deve ser baixa, em torno de 65 a 70% da frequência cardíaca máxima, e a duração é de 40 a 45 minutos.
Reduzir medidas dos membros inferiores: este é outro caso que requer a atividade aeróbica primeiro, de preferência numa intensidade alta, com a frequência cardíaca em torno de 85%, intercalando com um ou dois minutos de recuperação numa frequência mais baixa (70%).
Lembrando que a pratica esportiva é excelente não só para parte física, como mental também. Mas antes de iniciar qualquer atividade física, é imprescindível a visita a um profissional especializado para analisar de perto o paciente e indicar com precisão o que deve ser feito. Esse texto tem apenas caráter meramente informativo e não dispensa a visita a um médico ou nutricionista esportivo. 



Por Stéphanie Mulder Perrone jornalista MTB 15.577 / produtora audiovisual




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog