quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Coisas que todo personal trainer sabe (e você também deveria saber)

Em vez de saias lápis, elas usam sutiãs esportivos. Em seus armários, você encontrará cordas e halteres em vez de clips de papel e canetas extras. A vida de um personal trainer envolve lutar o tempo todo para que as pessoas tenham corpos melhores. Nós procuramos alguns dos melhores profissionais da área e descobrimos alguns truques que podem melhorar qualquer treino.
(Foto: Getty Images)
1. Você não deveria fazer apenas exercícios de cárdio
(Foto: Getty Images)
Caminhar, correr, pedalar e outras atividades do tipo têm uma série de benefícios: queima de gordura, melhora no humor e fortalecimento do seu sistema cardiovascular são alguns deles (veja aqui 5 formas de melhorar seu sistemacardiovascular sem correr). Mas quando o assunto é perda de peso, você também precisa pegar pesado na academia, diz Michelle Blakely, uma personal trainer daBlakely Fit, em Chicago.

Assim como os exercícios cardiovasculares, a musculação queima calorias, mas também traz benefícios muito mais duradouros, diz Blakely. Quanto mais massa muscular você tem, maior é o seu metabolismo em repouso, o que significa que você queima gordura mesmo quando está sentado no sofá. Além do mais, músculos fortes promovem uma boa forma durante sua corrida, caminhada ou prática do ciclismo, impedindo que você se machuque e aumentando os benefícios dos exercícios, diz Allison Hagendorf, um personal trainer certificado pelo American Council on Exercise.

2. Quanto mais peso você levanta, maiores são os resultados
Nós movemos o peso do corpo com flexões e agachamentos, mas também com atividades cotidianas, como fazer compras ou subir escadas, diz Hagendorf. Se exercitar com halteres mais pesados (do tipo que você só consegue levantar por apenas 8-15 repetições) pode estimular a produção de massa magra, o que transforma verdadeiramente o seu corpo. “Quando uma pessoa começa a treinar regularmente, pode descobrir que seu corpo está melhor aos quarenta anos do que estava aos trinta”, diz Liz Neporent, personal trainer e especialista em fitness de Nova Iorque.

Não se preocupe com o volume dos seus músculos. A menos que você passe horas na academia e consuma quantidades enormes de proteína, este tipo de resultado demora a aparecer. Na verdade, o treinamento de resistência deixa seu corpo mais firme e forte, diz Hagendorf. Antes que balança denuncie algum resultado, suas roupas já estarão cabendo melhor (continue treinando com um planejamento especial que você pode encontrar nesta série de 10 DVDs!)

3. Mesmo os melhores treinos não dão resultado sem uma boa alimentação
(Foto: Getty Images)
Embora não usem termos como “sinergia”, os especialistas em fitness conhecem a importância de uma boa alimentação. “Você não pode esperar resultado se sua alimentação estiver ruim”, diz Samantha Clayton, ex-atleta olímpica e personal trainer em Malibu, Califórnia.

O treino pode complementar seus esforços de perda de peso e tem uma função especialmente importante em manter seu corpo no peso certo. Pesquisadores daUniversity of Alabama estudaram algumas mulheres que perderam mais de 11 quilos. Aquelas que fizeram musculação e cárdio três vezes por semana evitaram uma queda no metabolismo que geralmente ocorre quando você perde peso, de acordo com o estudo publicado na Medicine & Science in Sports & Exercise.

No entanto, você precisará mudar seus hábitos alimentares para ver mudanças significativos no seu corpo. “Ainda que você esteja fazendo tudo certo na academia, ainda precisará comer bem para otimizar seu treino, ou nunca atingirá os resultados desejados”, diz Hagendorf. Comece com pequenas mudanças, diminuindo o açúcar no seu café e incluindo salada no seu almoço. Mantenha estas mudanças por duas semanas e faça mais dois pequenos ajustes. Eventualmente, você terá uma dieta nutritiva e sustentável, diz Liz LeFrois, personal trainer em Nova Iorque e especialista em fitness do site Acacia TV.

4. Em matéria de dieta, é melhor adicionar do que subtrair
Embora você precise controlar o que come, dietas muito restritivas, que quase fazem você passar fome, não funcionam. Cortar calorias demais pode decompor os músculos que você está se esforçando para fortalecer, diz Clayton. Você pode até conseguir perder algum peso pulando refeições ou eliminando grupos alimentares inteiros, mas assim que você voltar a se alimentar normalmente, seu corpo sentirá a queda no metabolismo e recuperará todo o peso novamente.

Em vez de cortar alimentos em sua dieta, foque na variedade. Consuma muitos alimentos de alta qualidade, ricos em nutrientes como frutas, vegetais, sementes e nozes. Sua alimentação precisa fornecer a energia que seu corpo precisa para pegar pesado nos treinos e promover sua boa saúde, diz Blakely (estes 5 alimentos podem tornar sua dieta ainda mais saudável). Com o tempo, você ficará satisfeita com muito menos calorias (isso leva cerca de seis meses). Seu cérebro será reestruturado para pedir alimentos mais saudáveis, de acordo com um estudo publicado na revista Nutrition & Diabetes.

5. Na receita para o sucesso, a diversão é um ingrediente essencial
(Foto: Getty Images)
Geralmente, os treinadores têm uma reputação de pegar muito pesado com os alunos. Além destes esforços extremos serem desnecessários para a perda de peso, também podem ser contraproducentes fisiologicamente e psicologicamente. Se você não gostar de se exercitar, pode acabar encontrando desculpas frequentes para evitar fazer isso, diz Mike Robinson, da MZR Fitness, reconhecido como opersonal trainer do ano em 2015 por associações americanas especializadas.

Muitos passatempos divertidos, como jardinagem, caminhadas ou dança também são boas atividades físicas. Incorporá-las ao seu treino pode fazer com que você queira se exercitar, o que leva você a perder mais peso com menos esforço. “Muitas pessoas pensam que o exercício precisa ser muito penoso e complicado para produzir resultados”, diz Clayton. “Na verdade, o que melhora seu corpo é a consistência e o equilíbrio, não o esforço extremo”.

6. Tudo que você faz no resto do dia também conta
Segundo Blakely, você precisa ficar de olho no tempo que você passa fora da academia para obter resultados. Por mais que você pense o contrário, movimentar-se durante uma reunião no trabalho ou mover os dedos no ritmo de uma música pode fazer uma grande diferença. Um estudo publicado na revista Sciencedescobriu que pequenas atividades físicas diárias podem queimar até 350 calorias por dia.

O termo científico para este fenômeno é ‘termogênese sem atividade física’. Isso descreve as calorias que você queima naturalmente durante o dia. Então, seguir conselhos como estacionar em uma vaga mais distante e usar a escadas em vez do elevador é extremamente benéfico para seu corpo.

 

7. Emagrecer não é muito mais difícil do que continuar acima do peso
(Foto: Getty Images)
É claro que você vai ter bastante trabalho para alcançar seus objetivos de perda de peso. Mas imagine toda a energia que você gasta atualmente desejando ter um corpo melhor e se preocupando em não ter força necessária para melhorar. Todo treinador sabe que o verdadeiro segredo para mudar seu corpo é desviar a atenção da possibilidade do fracasso. “Você precisa escolher onde irá colocar sua energia”, diz Robinson. “Comprometer sua mente com seus objetivos de perda de peso é crucial para obter resultados”.

8. Perder peso não é seu verdadeiro objetivo
Muitas vezes, as pessoas começam a se exercitar porque estão insatisfeitas com o que veem no espelho. Um bom personal trainer pensará muito além disso. Segundo Blakely, as pessoas deveriam se perguntar o real motivo por trás da vontade de malhar e descobrir sua verdadeira motivação.

Veja a experiência da Blakely: “À medida que conheço mais o cliente, descubro que ele não sai de férias com os amigos porque sabe que não conseguirá fazer caminhadas ou excursões tão confortavelmente quanto gostaria. Ou ele não é tão espontâneo como gostaria, porque sabe que seu físico está em construção e é desanimador saber que há um certo caminho a percorrer até chegar a algum lugar”, diz ela.

Esclarecer os objetivos de nível mais alto — até mesmo anotá-los e colar no espelho ou na geladeira — pode lhe dar a motivação necessária para continuar com seu plano diante da tentação, diz Hagendorf. Além disso, você pode detectar o progresso frequentemente, mesmo antes de começar a ver grandes mudanças estéticas ou no peso. “A sensação é o combustível”, Blakely gosta de dizer. Se notar que não está tão fatigado, sem fôlego ou com medo de novos desafios, você saberá que está no caminho certo, independentemente do que diz a balança.

O artigo original 8 Things Every Personal Trainer Knows (And You Should, Too),encontra-se no site Prevention.com.


Fonte: Vida Estilo/Yahoo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog