sexta-feira, 7 de agosto de 2015

EVOLUÇÃO CONSTANTE DO CORPO


(Na foto: Andreia Costa, atleta da Neo Hardcore)


A cada evolução, o trabalho de "modelar" o corpo de um atleta se torna mais difícil, pois quanto mais treinados, nos tornamos menos treináveis, ou seja quanto maior o nível de treinamento do indivíduo menor é a resposta desse frente a novos estímulos mediados pelo programa de treinamento.
 
Isso porque o corpo se adapta as alterações metabólicas, neurais e hormonais mediadas pelo treinamento conforme se vai intensificando o seu treinamento Guedes Jr (2007).
 
Portanto, um estimulo que foi forte e adequado, com o tempo pode se tornar fraco e ineficiente. O que fazer quando esse momento chegar, e não deixar a evolução estagnar?? Deve-se manipular as variáveis de intensidade, volume e principalmente o principio da Sobrecarga, que significa a importância da aplicação de novos estímulos, com o intuito de gerar uma nova resposta, sempre respeitando o Principio da Individualidade Biológica, onde um indivíduo é diferente do outro, evitando o Overtraining.
 
Não copie o treino de fulano, ou da blogueira da moda, conheça seu corpo e como ele reage a cada novo estímulo, saiba o que da certo e o que não funciona com você. Procure um treinador atualizado que lhe tire da zona de conforto. 


Por Junior Astúcia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog